set24

A Microsoft volta aos holofotes?

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 24/09/2009 às 07:47h

     Acredito que, assim como a maioria dos leitores do blog, não morro de amores pela Microsoft. Porém, não podemos fechar os olhos para as notícias que vem aparecendo sobre a gigante de Redmond na mídia. Estaria a Microsoft “acertando o prumo” e querendo voltar a brilhar?

     Há alguns meses vimos o que talvez foi o primeiro esboço da reação da companhia fundada por Bill Gates e Paul Allen, mas agora dirigida pelo excêntrico Steve Ballmer: o Project Natal. A Microsoft simplesmente arrancou vários suspiros e com certeza dominou as matérias ao apresentar ao mundo seu, ainda protótipo, mas bem empolgante, dispositivo que, trabalhando de forma conjunta ao X-Box, deixa a interação do Wii comendo poeira.

     Numa estratégia que com certeza visava tirar (pelo menos o que fosse possível) o foco da impressa sobre o evento da Apple, onde seriam apresentados os novos iPods, a Microsoft lançou, dias antes, seu tão esperado ZuneHD. O dispositivo deu um salto enorme se levarmos em conta o fiasco da geração anterior. A crítica gostou e o público também. Tanto é que o produto já está em falta em muitas lojas americanas (único país onde o dispositivo foi lançado).

     Ontem a empresa conseguiu arrancar mais alguns suspiros ao, digamos assim, deixar vazar para o Gizmodo, algumas informações sobre seu novo dispositivo tablet (na verdade, booklet, pois possui duas telas no formato similar a de um livro). O vídeo realmente impressiona e pode ser um ótimo concorrente ao tão falado tablet da Apple. Ambos, ao que tudo indica, serão lançados no ano que vem.

     Como se já não bastasse tudo isso, ontem a noite ainda surgiram mais novidades sobre o tal “Projetct Pink“, o codinome do projeto do “iPhone Killer” da Microsoft. Particularmente não gostei do design inicial, que parece muito inspirado (pra não dizer copiado) do Palm Pre. Porém, como ainda é um projeto, espero que ele evolua para algo melhor e realmente competitivo ao iPhone, “forçando” assim a Apple a não parar de inovar e ficar empurrando com a barriga, animada por altas vendas e margens de lucros generosas, sem ter um competidor a altura para seu dispositivo.

     Ontem também surgiram boatos curiosos envolvendo uma possível fusão de Nokia e Palm, que poderia criar um player bastante forte na briga pelo mercado do iPhone. E falando em fusões, aquisições e afins, outro boato de ontem foi o possível interesse da Microsoft em comprar a empresa de jogos EA, o que também daria uma bela sacudida no mercado.

     E para fechar, não poderia deixar de comentar o badalado Windows 7, o novo sistema operacional da Microsoft, que já nasce com a importante tarefa de suceder o Windows Vista. Evidente que não podemos chamá-lo de fiasco, pois suas vendas foram bem expressivas. Porém, a “má fama” do sistema é algo conhecido de todos e numa rápida pesquisa a usuários, acredito que mais de 75% vão dizer que não gostaram do sistema anterior. Já o novo, está recebendo muitos elogios.

     Com todos esses fatos, será que podemos pensar que a Microsoft “ressurgiu” e vai ser um competidor tão forte em outros segmentos, como já é no de sistemas operacionais e suítes de escritório? Eu torço que sim, pois o que gera a inovação que tanto gostamos é a competição e a constante briga por uma fatia do mercado.

Leave a Reply

preload preload preload