fev06

Cadê o PagSeguro/ Mercado Pago dos Correios?

8 Comentarios »Postado por GordoGeek em 06/02/2013 às 13:03h

     Apesar de ser uma empresa estatal com baixíssima agilidade e qualidade de atendimento, muita gente acaba optando pelos Correios na hora de escolher a empresa que fará a entrega de produtos comprados via internet. Popularidade? Facilidade? Confiança? Preços competitivos? Não sei ao certo os motivos que levam o consumidor a optar pelos Correios, mas o certo é que muita gente acaba usando as modalidades Sedex e PAC.

     Ultimamente eu fiz várias vendas de produtos usados via internet e, uma vez que estou com o cadastro bloqueado no Mercado Livre (e já processando eles por isso), fui obrigado a partir pra outras ferramentas, como OLX, Toda Oferta, Bom Negócio.com, etc. Quase todos são vinculadas a um serviço de “pagamento seguro” (como PagSeguro, Mercado Pago, etc.), que além de fornecer a possibilidade de parcelamento, dizem proteger os clientes contra golpes. Será mesmo?

     Não são raros os casos na internet de consumidores que compraram um produto e receberam outro. Já li casos inclusive que isso aconteceu duas vezes seguidas com a mesma pessoa, que comprou um notebook e recebeu um macarrão instantâneo. Já pensou o susto?

     Devido a sua enorme capilaridade, os Correios tem a faca e o queijo nas mãos para oferecer um serviço extra para garantia que o consumidor não caia em golpes como esse. Praticamente toda agência (senão todas) tem um sistema básico de segurança, usando câmeras de circuito interno de TV. Imagine a facilidade de, na hora de você retirar o produto no guichê, o funcionário acompanhar o processo, devidamente filmado e garantir que o conteúdo da caixa é mesmo o que foi comprado e não um tijolo ou um pacote de macarrão.

     Algumas pessoas podem dizer: “mas os Correios já tem a modalidade Sedex a Cobrar hoje em dia”. Gente, desculpem a sinceridade, mas quem diz isso deve ser muito inocente. Nessa modalidade, você paga antes e retira depois. Se o produto vier errado, os Correios não fazem absolutamente nada. Pode reclamar o quanto for, ir na delegacia fazer boletim de ocorrência, etc. Aliás, já teve um pacote sem seguro extraviado? As complicações são similares. Podem sumir com um notebook seu e vão querer te reembolsar em R$ 100,00. É ridículo!

     Se os Correios fossem uma empresa privada, alguém certamente já teria tido essa ideia e, se duvidar, já estaria acontecendo. Senão, eu mesmo tentaria vender a consultoria de implantação pra eles (rsrs). Mas sendo uma empresa pública extremamente burocrática, estou dando de graça essa ideia para que eles ganhem um dinheiro a mais as minhas custas, fortaleçam o e-commerce nacional e evitem que milhares de pessoas tenham mais essa dor de cabeça.

Leave a Reply

preload preload preload