jan22

Chegou a hora de comprar o Apple TV ?

16 Comentarios »Postado por GordoGeek em 22/01/2011 às 15:24h

     Recentemente escrevi por aqui que comprei um Apple TV. Disse na ocasião que o produto não era recomendável para brasileiros, uma vez que nem iTunes Store para locar filmes e seriados nós temos. Cheguei a recomendar o WDTV Live, um produto com custo similar e funcionalidades muito melhores pra quem vive no Brasil. Mas ontem saiu uma novidade que pode mudar esse cenário: o XBMC.

     Desde que o Apple TV foi lançado, como todo bom geek, eu queria por as mãos nele. Talvez pra quem vive nos Estados Unidos, ter acesso ao conteúdo da iTunes Store e Netflix, de uma forma descomplicada e “barata”, no conforto da sua sala, vendo em sua TV tela grande, seja bem legal. Nada mais de ficar correndo atrás de torrent e afins. Basta sentar no sofá, dar alguns poucos cliques e desfrutar do conteúdo. Porém, pra gente aqui no Brasil, várias limitações nos impedem de ter o mesmo conforto. Óbvio que boa parte das limitações podem ser contornadas, como o uso de gift cards para ter acesso a iTunes Store e de VPNs para acesso ao Netflix. Mas não deixa de ser uma gambiarra e muita gente não gosta e/ ou não tem paciência.

     Enquanto a Apple não disponibiliza um SDK oficial para que os desenvolvedores criem aplicações para o Apple TV, ampliando absurdamente o potencial do produto (como já vem acontecendo com os concorrentes), surgem iniciativas como o aTV, que fazem uma espécie de jailbreak do gadget, permitindo que se instale outras funcionalidades no dispositivo. Dentre essas funcionalidades estão o acesso ao Last.Fm, Plex, nitoTV, um browser baseado Safari e mais recentemente, o XBMC, famoso programa de Media Center que roda em várias plataformas.

     Se você tiver paciência e curiosidade suficiente para fazer o jailbreak do seu Apple TV, o procedimento eu descrevo aqui nesse outro post. Ressalto que a solução ainda é tethered, ou seja, se você desligar o aparelho, de propósito ou em decorrência duma queda de energia, para ligá-lo novamente, terá que fazer através do auxílio de um Mac.

     Quando eu escrevi o post citado à acima, os recursos disponibilizados pelo jailbreak não haviam me chamado a atenção, mas tudo mudou com o XBMC. Isso porque, com ele, abriu-se a possibilidade do Apple TV rodar arquivos de diferentes formatos, como AVI e MKV, diretamente de um compartilhamento da rede. Além disso, é possível customizar legendas, alterando tanto tamanho, como fonte, cor, etc. É possível também acessar outros recursos como feeds, músicas, fotos, etc., mas acho que a função matadora é realmente rodar formatos de vídeos que nativamente não são suportados.

     Para rodar o XBMC, não é preciso que você compre o aTV. Aliás, talvez nem seja recomendável instalá-lo agora, visto que ele ainda está um tanto instável e gerando alguns problemas, como o sumiço da opção de Netflix dos menus. Para tal, basta você se logar no seu Apple TV via SSH, utilizando o login root e senha alpine. Lá dentro, digite os comandos abaixo para baixar e instalar o XBMC:

$ echo “deb http://mirrors.xbmc.org/apt/atv2 ./” > /etc/apt/sources.list.d/xbmc.list
$ apt-get update
$ apt-get install org.xbmc.xbmc-atv2

     Uma vez feito isso, basta dar um reboot (tethered) do Apple TV e o novo menu estará presente para uso.

     Obviamente que não dá pra recomendar o Apple TV para todo mundo nesse momento. Ainda acredito que o WDTV seja uma opção melhorar para grande parte dos leitores. Contudo, o público mais geek, que gosta de explorar seus gadgets, especialmente os da Maçã, agora tem um motivo muito forte para comprar seu Apple TV.

Leave a Reply

preload preload preload