maio15

Eu compraria um Motorola Xoom

10 Comentarios »Postado por GordoGeek em 15/05/2011 às 21:45h

     Ser um geek morando numa cidade do interior é um terror. A gente fica morrendo de vontade de por as mãos nos gadgets, mas aqui por perto não existem lojas que tenham os brinquedos de gente grande. Nesse final de semana eu fui pra Ribeirão Preto e brinquei com um Motorola Xoom.

     Confesso que estava um tanto descrente com o tablet da Motorola e até fiz várias piadinhas no Twitter. Porém, ao brincar alguns minutos com ele, fiquei surpreso. Haviam me falado que ele era lento, mesmo com o processador Dual Core, mas eu não achei. Claro que, se você sair abrindo um monte de coisa, especialmente conteúdo em Flash, vai acabar detonando a performance do bicho. Mas isso acontece com qualquer equipamento.

     Eu gostei muito da qualidade da tela, mas o touch, na minha opinião, ainda é pior que o do iPad. Além de navegar pelas telas do Honeycomb, brinquei com alguns joguinhos que tinham instalados, inclusive o Angry Birds. Fiquei dando zoom usando o movimento de pinça a todo instante, puxando o estilingue e fazendo vários movimentos antes de soltar. A resposta foi bem bacana.

     Apesar de já ter usado o Android em alguns gadgets e ainda ter por aqui um tablet Xing Ling e um Nexus One, o sistema operacional do Google está longe de ser o meu favorito. Contudo, achei o Honeycomb uma experiência bem bacana. Um tanto confusa, mas depois de alguns minutos, pega-se o jeito.

     Se eu tivesse dinheiro sobrando, eu compraria um Xoom. Se tivesse que escolher apenas um tablet pra sair pra rua, certamente ainda levaria o iPad. Mas pra brincar e testar coisas em casa ou em viagens, usaria numa boa. Recomendaria pra amigos e parentes? Dependendo do perfil, com certeza.

     Recentemente eu comprei um segundo iPad aqui pra casa, pois o meu vivia mais com minha esposa e filho do que comigo. Optei em comprar o de primeira geração pela economia. Na semana passada fiz a mesma recomendação a meu pai, que comprou um iPad (16GB com WiFi+3G) de primeira geração usado, com três cases, por R$ 1.000,00. Não recomendaria um Xoom para o meu pai, pois certamente ele teria dúvida que eu não saberia resolver. Tendo um iPad, que eu conheço bastante, posso auxilía-lo com mais facilidade, inclusive sugerindo aplicativos.

     Muitas pessoas vão discordar de mim nesse ponto, mas eu acho os aplicativos do iOS muito melhores que os feitos para Android. Parece que eles são mais refindos e muito mais bem construídos. É claro que existem excessões, mas no geral, prefiro muito mais os aplicativos para iPad. Então, se ambos os hardwares são bons, os preços são similares, mas o iPad é o mais popular e tem aplicativos melhor, por que optar pelo Xoom (ou qualquer outro tablet com Android)?

     Eu gosto muito dos produtos Apple, mas nem tudo é perfeito. Algumas “birras” da empresa põe tudo a perder, por exemplo, a briga pessoal de Jobs com a Adobe. Eu sei, hoje em dia muito conteúdo foi adaptado pro iOS, mas ainda temos muitos sites (e demais conteúdos) que ficamos sem acesso porque Steve Jobs não quer. Outros programas também foram limados da loja oficial por motivos similares. Como, nativamente, não dá pra instalar programas sem passar pela loja da Apple, o usuário tem seu direito limitado por algumas picuinhas.

Leave a Reply

preload preload preload