out17

Preço do PS4 no Brasil gera muita polêmica #mimimi

1 Comentario »Postado por GordoGeek em 17/10/2013 às 16:01h

     Que as coisas no Brasil custam sempre mais caro nem precisa dizer, né? Já estamos acostumados a pegar o preço nos Estados Unidos (em dólar), multiplicar por 4 e ter uma base de quanto iremos pagar. Porém, de vez em quando o fabricante erra a mão e começa a fazer a conta não mais usando o 4 como multiplicador, mas o 5, o 6 e por ae vai.

     Se você não é muito chegado em game, deixa te contar que esse ano foram anunciados os consoles de nova geração da Microsoft (Xbox One) e da Sony (PS4). Lá fora o Xbox custa USD 499 e o PS4 USD 399. Aqui, o console do tio Ballmer chegou em pré-venda por R$ 2.199,00 já tem alguns meses. Claro, muitos xiaram, pois deu uma leve extrapolada no x4. Ae hoje vem a Sony e consegue fazer a cagada de anunciar o console por R$ 3.999,00! What?!

     Isso gerou uma enorme revolta na interwebz. Só para ilustrar, coloco três vídeos nesse post. Como que a Sony conseguiu fazer algo de USD 399 custar R$ 3.999,00? Ela explica: são os impostos. Mas como a Microsoft conseguiu fazer um console de USD 499 chegar por R$ 2.199,00? Ela tá sonegando impostos, Sony? E como que um Galaxy Gear que lá fora custos os mesmos USD 399 do seu PS4 aqui é vendido por R$ 1.250?

     Como não poderia deixar de ser, toda vez que um produto chega aqui tão caro, o povo corre pra fazer aquelas contas: compensa ir pra Miami, comprar lá e trazer, já que está dentro da cota de USD 500 e nem imposto vai pagar. Realmente e, infelizmente, é verdade. Mas se você não quiser viajar, ainda dá pra pedir pra alguém comprar lá fora pra ti, pagar todos os impostos e ainda economizar 50%.

One Response to “Preço do PS4 no Brasil gera muita polêmica #mimimi”

  1. Eduardo disse:

    Eu tenho uma teoria… Se vier por R$ 5.000 vai ter a mesma chiadeira, a mesma reclamação e tal. Lá fora, na civilização, as pessoas simplesmente não comprariam. Aqui, apesar do mimimi, vão comprar.

    Claro que existe os impostos para colaborar. Mas acho que o maior problema é mesmo o brasileiro. Reclama, mas compra. Ai não adianta. Se ninguém comprar sabe o que vai acontecer? A Sony vai ser obrigada a 'sonegar' impostos e baixar o preço. Mas não creio que isto vá acontecer.

Leave a Reply

preload preload preload