jun01

Qual é o melhor plano de internet pós-paga 3G?

14 Comentarios »Postado por GordoGeek em 01/06/2012 às 17:07h

     Já comentei aqui no blog anteriormente sobre planos de internet pré-paga 3G, bem como a duração dos créditos da recarga, caso você queira manter mais de um chip, ativando conforme for mais conveniente pra você. Porém, como boa parte desses planos de internet 3G pré-pagos tem um limite de tráfego de dados muito pequeno (algo em torno de 10MB por dia), chegou a hora de abordar os planos pós-pagos, pra quem tem um uso mais intensivo e um bolso mais fundo.

     Se você já entrou no site das operadoras pra procurar sobre planos, sabe que as combinações são praticamente infinitas. Não vamos aqui mostrar todas, até mesmo porque, o foco é poupar o seu tempo e fazer algo fácil, especialmente pros leigos. Antes de escrever esse post eu passei algumas horas navegando pelos sites das operadoras e coletando informações. Infelizmente, eles podem mudar a qualquer momento, especialmente por conta de promoções. E aqui no Brasil é assim: uma operadora lançou algo, algumas semanas depois a outra copia e faz igual. Como estou acostumado a receber comentários em posts muito antigos, peço que por favor atentem pra data de publicação ae no canto superior esquerdo.

     Outra coisa que devemos explicar antes de citar os planos é que as operadoras costumam separá-los de acordo com os dispositivos: smartphone, tablet e modem. Você pode pegar um chip com um plano smartphone e colocar num modem, sem problema algum, irá funcionar. O maior problema é que, os planos mais focados em dados (tablet e modem) não possuem uma linha ativa para receber e originar chamadas. Na real, todo chip tem um número vinculado, mas na prática, as operadoras só liberam esse número nos planos de smartphones. Como eu falo muito pouco ao celular, eu até toparia pagar um valor bem alto do minuto avulso (uns R$ 2,00), desde que eu pudesse ter a liberdade de receber e originar chamadas. Mas parece que isso não é interessante para as empresas.

     A Vivo é a operadora que tem o pior cenário, pois você não consegue contratar um bom pacote de dados sem alterar os minutos que vem embutidos. O Vivo iPhone 60 (o menor plano) vem com 60 minutos embutidos e apenas 250MB de internet por R$ 83,00 mensais. O próximo plano seria o Vivo iPhone 100, que vem com 100 minutos e 500MB, por R$ 138,00. Já no plano para modem, por R$ 89,90 é possível contratar 2GB. Ou seja, quem usa poucos minutos e muitos dados, fica refém das operadoras. Isso pra mim é venda casada, mas já reclamei inúmeras vezes na Anatel e Procon, que nunca tomaram atitude. Eu até poderia por um chip específico de modem no smartphone e usar programas de VoIP pra receber e fazer chamadas, mas não confio nessa tecnologia operando sobre o instável 3G, onde as velocidades oscilam barbaramente conforme a região, horário, etc.

     A Claro é a empresa que mais oferece flexibilidade de escolha nos pacotes, através do plano Claro Sob Medida, onde o usuário monta o pacote de serviços, colocando quantos minutos quer comprar pra fixo, móvel da operadora, móvel de outras operadoras, SMS, dados, etc. Só pra se ter uma ideia, o plano com 10 minutos para fixo (precisa contratar um mínimo de minutos) e 2GB de tráfego sai por R$ 86,49. Por mais R$ 20,00 você aumenta o tráfego para 5GB, o que eu considero um valor bem razoável para um usuário geek (claro, não vai sair baixando torrent no celular). E mesmo que seus amigos usem programas de mensagens instantâneas (como o WhatsApp), se ainda quiser ter a comodidade de SMS ilimitados, para falar com quem não é usuário do programa, basta adicionar um pacote por R$ 9,90.

     Uma informação muito relevante para alguns leitores é sobre a velocidade de conexão. No site, não menciona nada sobre o HSPA+, conhecido com o nome comercial de 3GMax na Claro. A Claro, diferente da Vivo (que criou um novo plano 3G+), optou por oferecer o 3GMax em todos os planos pós pagos, seja smartphone, tablet ou modem.

     Na minha opinião o plano Sob Medida da Claro é o mais interessante, pois permite ao usuário comprar mais o que vai usar. Os outros planos da empresa são o seguinte. Para smartphones: 300MB (R$ 29,90, depois cai pra 64kbps), 500MB (R$ 59,90, 64kbps), 1GB (R$ 79,90, 128kbps) e 5GB (R$ 99,00, 128kbps). Para tablet ou computador: 300MB (R$ 29,90, depois cai pra 64kbps), 500MB (R$ 49,90, 64kbps), 2GB (R$ 79,90, 128kbps), 3GB (R$ 89,90, 128kbps), 5GB (R$ 119,90, 128kbps) e 10GB (R$ 199,90, 256kbps). Promocionalmente, os planos de 2GB em diante tem 20% de desconto por 12 meses.

     No pré, vimos que a Vivo tem basicamente os seguintes planos: R$ 9,90 por mês (20MB de cota, depois cai pra 32kbps) e R$ 12,00 por dia (150MB de cota, caindo pra 128kbps depois do limite). Já no pós-pago, para modem e tablet, o plano começa em R$ 29,90 (150MB, depois cai para 64kbps), R$ 34,90 (250MB, 64kbps), R$ 59,90 (500MB, 64kbps), R$ 89,90 (2GB, 128kbps), R$ 119,90 (5GB, 128kbps) e R$ 199,90 (10GB, 256kbps). Caso queira ter internet no seu smartphone, os dois planos básicos são o Vivo Smartphone Ilimitado e o Vivo iPhone. Como já disse antes, os dois pacotes tem um monte de minutos e uma ninharia de dados. O Vivo iPhone com 60 minutos e 250MB começa em R$ 83,00 mensais. O Vivo Smartphone Ilimitado começa em R$ 84,00 e também tem 250MB de franquia. Existe ainda a possibilidade de contratar os novos planos com internet HSPA+, que custa a partir de R$ 99,00 e tem franquia de 500MB.

     Eu tenho certa ressalva em contratar a Tim pra dados. A empresa tem planos muito bons pra voz, mas a velocidade média pra dados não é das melhores. Porém, se você quiser encarar, os preços e condições são os seguintes. No Tim Web Smart, o único dos planos listados que tem número para receber e fazer chamadas, a mensalidade é de R$ 29,90, tem cota de 300MB e depois disso cai para meros 50kbps. No Libery Web Tablet, o custo é de R$ 49,90, com 800MB de tráfego e redução para 100kbps. Já no Tim Web Light, que é destinado a modem e tablet, o preço é de R$ 35,00 e a cota é de 500MB, caindo pra 100kbps depois disso. O Tim Web Modem custa R$ 61,00 e tem generosos 3GB de franquia, caindo pra 200kbps ao atingí-la. Por fim, o Tim Web Modem Plus custa R$ 109,90, mas tem 10GB de tráfego, caindo pra 200kbps.

     Pela minha experiência pessoal e também pelo que ouço amigos dizerem, a Vivo costuma ter a melhor cobertura e a melhor garantia de velocidade, apesar de custar mais caro. Talvez seja justamente por isso que ela consiga investir mais na infra-estrutura e entregar um serviço melhor. A Claro vem em segunda, também com alguns elogios. Me preocupa o fato da empresa estar disponibilizando 3GMax pra todos os clientes pós-pagos sem cobrança de taxa extra, pois tudo leva a crer, que no médio prazo, a rede pode congestionar. Na rabeira, vem a Tim, que é a empresa que mais ouço críticas, tanto em cobertura, como em velocidade, atendimento, contas erradas, etc. Porém, a empresa tem planos bastante agressivos. Particularmente eu optaria pela Claro, no plano Sob Medida.

     Update 23/06/2012 14:10Hs => A Vivo começou a cobrar os acessos fora das redes sociais e emails. O valor cobrado são R$ 4,00 por MB, ou seja, totalmente inviável. Recomendo que leiam o post sobre isso.

Leave a Reply

preload preload preload