maio28

Quanto cada computador consome de energia

13 Comentarios »Postado por GordoGeek em 28/05/2010 às 12:31h

     Há um tempinho atrás eu fiz um post aqui, falando sobre consumo de energia de alguns equipamentos. Ontem, ainda abismado pela minha conta de energia (sempre crescente), sai medindo novamente o consumo dos equipamentos, especialmente os que ficam ligados 24hs.

     Como eu quase não gosto de usar uma transmissão do QIK pra mostrar algo, fui filmando cada medição. Como eu já sabia e disse por aqui antes, o computador mais eficiente é o Mac mini C2D, com apenas 22w/ h, enquanto reproduz um vídeo em Divx. Aproveitei que tenho um Mac mini G4 e o testei também. Ele é um pouco menos econômico que o Mac mini mais novo, mas ainda assim é eficiente, consumindo 28w/h. Ambos os Mac mini consomem 1w/h quando estão desligados, mas conectados a tomada.

     Já nos PCs, o consumo é muito maior. Minha máquina principal de trabalho, um Dell Optiplex 740, com CPU AMD 64 X2, consome 81w/h em pleno uso e praticamente nada desligado (1w/h). Um outro PC que tenho aqui, com CPU C2D, montado pra fazer hackintosh, tem um consumo muito similar, ficando em 80w/h. Já em stand-by, ela consome um pouco mais, ficando em 3w/h.

     Como já expliquei no outro post, eu tinha um servidor P4 HT que fica ligado 24hs. Essa máquina era responsável por servir arquivos na rede e também pelo sistema de monitoramento de câmeras (meu BBB pessoal). No geral, esse P4 consumia cerca de 120w/h, dando picos de 145w/h quando o processamento aumentava. Visando reduzir o consumo de energia, troquei por um Atom, que fica na faixa dos 60w/h, mas que é bem fraco de performance, o que me impede de rodar muitas coisas, como o AirVideo por exemplo, fazendo streaming dos meus seriados para o iPad/ iPhone.

     Uma coisa que me chamou a atenção e nunca tinha medido, são os no-break. Tenho aqui 5 SMS de 600va e um APC de 1.2Kva. Cada no-break SMS consome cerca de 22w/h. Já o APC, um pouco mais, ficando em 24w/h. Proporcionalmente, o APC é econômico e seria mais interessante manter apenas um no-break de 1.2Kva, do que dois de 600va.

     Aproveitei que tava com a mão na massa e medi várias outras coisas, muito comuns em vários lares geeks, como router WiFi (5w/h), modem DSL (4w/h), telefone sem fio (2w/h) e PABX (4w/h).

     Se você ainda não sabe calcular o consumo das coisas, a conta é a seguinte. Esses valores são quanto cada equipamento consome em 1 hora de uso. Supondo que o Pentium 4 fique ligado 24hs por dia, durante 30 dias, a conta é a seguinte: 120w/h (consumo por hora) X 24 (quantidade de horas de uso por dia) x 30 (quantidade de dias do mês) = 86.400 watt ou 86.4Kw.

     Uma vez que você já sabe quanto o equipamento consome, resta saber quanto a companhia de energia que lhe atende, cobra de cada Kw. Geralmente vem escrito na fatura, mas o valor é sem impostos e o cálculo é bem complicado. Assim, é mais fácil você pegar o valor total da conta e dividir pelo consumo. Ex.: o valor da conta foi de R$ 149,70 e o consumo no período foi de 327. Assim, o Kw custa R$ 0,4578.

     Agora que você já tem o valor do Kw (R$ 0,4578) e o consumo da máquina (86.4Kw), basta multiplicar, pra chegar no resultado de R$ 39,55. Esse é o valor que o computador P4 está impactando na sua fatura. Pode parecer pouco, mas somando todos os equipamentos da casa, no final do mês, o valor pode abrir um rombo no seu orçamento.

Leave a Reply

preload preload preload