ago 23

Publicando os vídeos da viagem a NY no YouTube

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 23/08/2015 às 11:11h

     E ae galera, tudo beleza? Estou aqui para avisar que comecei a publicar uma série de vídeos sobre a viagem a Nova Iorque no nosso canal do YouTube. Porém, como aviso no vídeo abaixo, devido a lerdeza extrema do meu MacBook (2009) eu não consegui fazer uma edição prévia, então o material está totalmente cru, sem edição alguma, totalmente sem cortes, com meus erros e tal.

     E por que diabos eu tô enviando esse material pro YouTube agora, sem edição e não espero fazer isso no iMac de costume, quando voltar ao Brasil. São vários fatores, mas o principal é que vai levar algumas semanas pra eu voltar e o pessoal tá pedindo pra ver os vídeos. Assim, estou atendendo aos pedidos dos leitores.

     Eu sei que vai ter gente que não vai gostar de ver vários vídeos pingados, sem edição alguma, mas eu peço a compreensão de vocês. Da mesma forma que você não gosta (e devemos respeitar isso), tem pessoas que querem ver, seja porque vem pra cá em breve, ou simplesmente porque querem conhecer os lugares, saber dicas, etc.

TAG(s):
Categoria(s): Geral
ago 21

Comparando os preços da GoPro com a Sony HDR-AS15

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 21/08/2014 às 14:48h

     Essa semana eu fiz alguns vídeos comparando a GoPro com a Sony HDR-AS15. Neles, citei brevemente que a Sony tem um preço muito mais acessível que a concorrente. Porém, alguns leitores, deixaram comentários no Youtube, dizendo que não é bem assim. Então eu resolvi fazer uma pesquisa de preços, usando como referência o preço nos Estados Unidos, a loja mais barata encontrada no Buscapé (confiável ou não), uma loja mais reconhecida no mercado brasileiro e um vendedor confiável no Mercado Livre.

     Conforme podemos ver no site oficial da GoPro, a empresa tem atualmente 3 modelos de câmeras: a White, Silver e Black. Pra ver exatamente qual a diferença entre elas, recomendo que consulte o próprio site já citado. Mas, no geral, a White grava em fullHD 30FPS e tira fotos em 5MP. A Silver grava em fullHD 60FPS e tira fotos em 10MP. A Black grava em 4K e tira fotos em 12MP. Estou sendo simplista, claro. Mas o objetivo é esse mesmo.

     Nos Estados Unidos o modelo White é vendido por USD 200 e tem um salto de USD 100 a cada nova versão, ou seja, a Silver sai por USD 300 e a Black por USD 400. Assim, o modelo mais topo de linha custa o dobro do modelo mais básico. Como eu acredito que muita gente ficará satisfeita com fotos em 5MP e gravações em fullHD a 30FPS, minha recomendação de compra é a White. Logo, não vejo motivos em chamar quem escolhe esse modelo de idiota, como deixaram nos comentários do Youtube. Existem produtos diferentes para necessidades diferentes. E aliás, nem todo mundo tem uma árvore de dinheiro no quintal. Mas a molecada bancada pelos pais não deve saber disso.

     Aqui no Brasil, o preço mais barato do modelo White que encontrei foi R$ 730. No Mercado Livre, num vendedor confiável: R$ 733. Porém, em ambos os casos, a garantia é de apenas 90 dias. Ou seja, dá pra comparar um produto comprado oficialmente no Brasil, com nota fiscal e 12 meses de garantia, como a Sony HDR-AS15, com esses produtos comprados em condições diferentes? Eu não acho justo com o leitor. Assim, se formos comparar corretamente, temos que levar em conta o preço do Magazine Luiza, que é de R$ 1.259. Ou seja, praticamente o dobro do preço da câmera da Sony, o que reforça o que eu disse no vídeo: existe sim uma diferença considerável de preço.

     No modelo Silver, o preço mais barato que achei foi R$ 879. No Mercado Livre, com vendedor confiável, se acha até mais barato: R$ 865. Na Saraiva, uma loja conhecida, com nota fiscal e garantia de 1 ano: R$ 1.661. E pra fechar, o modelo Black é encontrado por R$ 1.200 na loja mais em conta, R$ 1.150 no Mercado Livre e R$ 1.800 na Kabum.

TAG(s):
Categoria(s): Gadgets
mai 20

Comparativo de IPVA no Brasil e nos Estados Unidos

16 Comentarios »Postado por GordoGeek em 20/05/2013 às 13:28h

     Que tudo no Brasil é mais caro, você já sabia, né? Mas o quanto mais caro, é a proposta do @CarlinhosTroll com uma série de vídeos comparativos que ele anda colocando em seu canal no Youtube. É pra ficar com muita raiva! Bufando! Espumando! P. da vida mesmo!

     No vídeo dessa semana (esse ae em cima), ele comparou o preço do IPVA que pagamos aqui no Brasil com o respectivo imposto nos Estados Unidos. Enquanto aqui, a gente paga cerca de 4 salários mínimos (brasileiros), um carro equivalente nos Estados Unidos paga apenas 3% do valor do salário mínimo lá. Indignado? Então veja outros vídeos no canal dele, como por exemplo, o custo do financiamento de casa e veículos, o preço dos carros em si, de motos, cesta básica, imposto de renda, etc. Não tem como não ver e não se sentir extremamente violentado pelo governo.

     Aproveitando a vibe “como somos roubados pelo governo”, compartilho também o vídeo acima, feito pelo Canal do Otário, um outro canal no Youtube que costuma fazer comparativos e mostrar algumas verdades que nos incomodam bastante.

TAG(s):
Categoria(s): Geral
jan 19

USTVNow: TV americana em tempo real, sem VPN

1 Comentario »Postado por GordoGeek em 19/01/2013 às 00:43h

     Há poucos minutos a Fox americana exibiu o final do seriado Fringe. Vendo algumas pessoas comentando no Twitter e sabendo que ainda não tinha acabado, ou seja, ainda não tinha caído nos torrents, fiquei me perguntando qual seria a mágica e me apresentaram o USTVNow.

     Até onde eu entendi, o site tem acordos com os canais nos Estados Unidos e todo o conteúdo é distribuído de maneira legal. O mais interessante é que eles não filtram o conteúdo por IP, restringindo o acesso apenas a americanos. Isso quer dizer que você não vai precisar de artifícios como VPN ou Proxy pra simular que está fisicamente na terra do Obama.

     O plano grátis permite que o usuário tenha acesso a até 6 canais. Por USD 19 (nos primeiros três meses, depois sobe pra USD 29) o número de canais aumenta pra 28 e por USD 29 (depois aumenta pra USD 39) o usuário tem acesso completo ao recurso de DVR, podendo inclusive gravar a programação pra ver depois.

     Apesar de não existirem apps específicos para iOS e Android, basta apontar o navegador pro site, se logar e tudo ira funcionar, permitindo inclusive jogar o conteúdo pra sua TV, através do recurso AirPlay da Apple. Bacana, não?

TAG(s):
Categoria(s): Dicas
jul 19

Cartões pré-pagos, débito, crédito, saques ou o que?

10 Comentarios »Postado por GordoGeek em 19/07/2012 às 11:53h

     Eu sei que alguns vão pensar “poxa, de novo esse alerta”, mas eu vou fazer em todos posts referentes a viagem pra evitar que nos comentários (como às vezes acontece) alguém venha me chamar de burro e dizer que o post foi uma porcaria, que não ajudou em nada, que eu quero me passar por sabichão e não sei nada, etc. Acreditem, por mais que eu faça os posts pra ajudar, ainda tenho que ler coisas desse tipo. Então, na tentativa de minimizar tais comentários, vou sempre colocá-los no início dos posts. Você, que já leu, pode começar sempre a ler do segundo parágrafo. Isso dito, lá vai: essa série de posts sobre a viagem que fiz são para compartilhar o pouco que sei e tais informações podem não ser as melhores alternativas pra você. Conto com os comentários dos leitores para me corrigirem e enriquecer o conteúdo.

     Antes da viagem eu comentei bastante no Twitter e fiz alguns posts aqui no blog a respeito de como eu pretendia efetuar os pagamentos na viagem. Eu contratei alguns cartões pré-pagos, levei meus cartões de créditos tradicionais e USD 2,500 em dinheiro. Eu não gosto de ficar andando por ae com muito dinheiro, pois tenho a impressão que serei roubado ou irei perder tudo. A todo instante eu fico paranóico, consultando os bolsos. Mas como esses dólares eu consegui numa condição muito melhor do que o câmbio atual, acabei levando-os.

     Sempre que a gente vai viajar, especialmente quando somos mais jovens, ouvimos mil recomendações, principalmente dos pais: “não deixe todos os cartões no mesmo local”. Se você pensou em por algo na mala, conforme eu narrei aqui ontem, desista. É o pior lugar que você poderia colocar, pois se abrirem sua mala e acharem a grana/ cartão/ cheques de viagem, por melhor que você a esconda, ferrou. Eu optei por levar vários cartões pré-pagos e de crédito internacionais, pra eu ter vários esquemas de contingência caso acontecesse algum imprevisto e eu não ficasse na mão. Algumas pessoas me chamaram de louco, mas eu prefiro assim. Louco mesmo eu acho que é quem leva apenas um cartão e tem muita gente que faz isso. Por melhor que seja seu relacionamento com o seu banco e seu gerente, bem como as promessas de total suporte em caso de imprevistos, eu não confio.

     Eu tenho conta no Banco do Brasil, HSBC e Itaú. Me disseram que, em todos esses bancos, eu conseguiria fazer saque e compras no débito, pagando o dólar comercial do dia e IOF de 0,38%, muito melhor que usar no crédito, com o câmbio mais caro e IOF de 6,38%. Não sei se os caixas das lojas gringas faziam algo errado, mas tentei usar esses cartões no débito em várias lojas e não consegui. Alguns não chegavam nem a pedir senha e já davam recusado. Aliás, todos foram devidamente autorizados para uso internacional (tanto no crédito, como no débito) antes deu sair do Brasil. Assim, pra evitar ficar passando vergonha, desisti do uso no débito e resolvi sacar da conta e já depositar em seguida na minha conta do Bank of America.

Continue a leitura..

TAG(s):
Categoria(s): Viagem
abr 11

Internet móvel pré-paga por apenas USD 1.49/ dia

1 Comentario »Postado por GordoGeek em 11/04/2011 às 23:25h

     É bastante comum as pessoas irem para os Estados Unidos e me perguntarem como fazer pra ficar conectado por lá. Geralmente recomendo a AT&T, que custa USD 50 e tem 1GB de quota durante 30 dias. Fiz um post bastante completo sobre isso, comparando várias operadoras, que você pode consultar clicando aqui.

     Hoje eu vou falar da T-Mobile, uma opção mais barata, especialmente pra quem for ficar poucos dias na gringa. O chip deles custa USD 10 e a internet custa USD 1.49 por dia, podendo ser ativada através do site. Infelizmente, assim como acontece na AT&T, se você usar iPhone terá que alterar as configurações do APN, caso contrário, não irá funcionar. Outra coisa chata é que só vai rolar EDGE (nada de 3G), apesar de terem relatos que é até razoável a velocidade.

TAG(s):
Categoria(s): Apple, Dicas
set 13

Podcast Especial – Viagem EUA – NY/ LV

2 Comentarios »Postado por GordoGeek em 13/09/2009 às 10:37h

     Nesse segundo episódio especial sobre minha aos Estados Unidos, falo sobre os lugares que visite em Nova Iorque e em Las Vegas.

TAG(s):
Categoria(s): Biblioteca Digital, Podcast
set 13

Podcast Especial – Viagem EUA – Flórida

1 Comentario »Postado por GordoGeek em 13/09/2009 às 08:05h

     Bom galera, cumprindo com o que tinha prometido, está ‘entregue’ o podcast da minha viagem aos EUA. Pelo menos, a primeira parte. Isso porque comecei a gravar nessa madrugada e acabei gerando 30 arquivos de 10 minutos cada, o que deixaria o podcast imenso. Assim, tentei fazer uma divisão em três partes.

     Nesse primeiro podcast eu dou as primeiras dicas sobre o passaporte, o visto americano, falo sobre os custos da viagem com hotéis, passagem, etc.. Além de falar sobre a primeira etapa da viagem, na Flórida, entre Miami, Boca Raton e Orlando.

TAG(s):
Categoria(s): Biblioteca Digital, Podcast
abr 22

EUA irá fortalecer defesas “virtuais”

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 22/04/2009 às 15:58h

     Está cada vez menor o intervalo de notícias que mostram a fragilidade dos EUA quando o assunto é se proteger no ambiente virtual. Eles podem ser a maior potência militar do mundo, mas como já foi demonstrado várias vezes em filmes, um ataque virtual poderia simplesmente “quebrar as pernas” do país.

     Tentando fortalecer as defesas do seu país (principalmente contra ataques virtuais vindo da China e Rússia), Mr. Obama irá colocar um oficial militar de quatro estrelas, vinculado ao Comando Estratégica do Pentágono, para tentar “por ordem na casa”.

TAG(s):
Categoria(s): Notícias
abr 08

Preparativos para Cyber Ataque?

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 08/04/2009 às 15:00h

     Não é de hoje que se fala que os EUA estão prestes a sofrer com o terrorismo digital, chegando inclusive a ser o primeiro risco da nova temporada de 24 Horas, onde um grupo consegue ter acesso a vários sistemas dos EUA (como o controle aéreo e de usinas nucleares).

     O portal G1 noticiou que sistemas americanos responsáveis pela energia elétrica foram invadidos por hackers russos ou chineses, que deixaram algum tipo de software espionando coisas e quem sabe, recebendo ordens remotamente.

     Com o risco cada vez mais eminente de um ataque obter sucesso e causar um grande problema, os gastos com tecnologia vem aumentado nos últimos 6 meses. Só Pentágono por exemplo, gastou mais de USD 100 milhões.

TAG(s):
Categoria(s): Notícias
preload preload preload