ago 05

         Faz muitos anos que compartilho aqui no blog o meu interesse por câmeras, vigilância eletrônica e afins. O começo foi com câmeras analógicas tradicionais e DVR para gravação das imagens. Depois parti para as primeiras câmeras IP XingLing, compradas no DealExtreme, onde eu não consegui achar uma solução interessante para gravação. Agora, estou utilizando câmeras no padrão ONVIF, que gravam localmente num cartão microSD e também tem a possibilidade de trabalhar em conjunto com um NVR.



         A câmera que tenho utilizado atualmente é a do vídeo acima. Sinceramente, eu não sei a marca dela. Isso porque, a cada compra, a mesma câmera vem numa embalagem e versão de software diferente. As vezes chega numa caixa da Jortan, outras da Yoosee e assim por diante. Ou seja, uma verdadeira bagunça.

         Diferente das primeiras câmeras IP que comprei, que eram todas da China (especialmente do DealExtreme), as câmeras atuais foram quase todas compradas no Mercado Livre, mas também comprei algumas em distribuidores oficiais. Porém, mesmo nesse último caso, não recebi nota fiscal, manual em português, etc. Ou seja, se você resolver comprar na China pra economizar, no Mercado Livre ou em um distribuidor, provavelmente receberá um produto similar.

Continue a leitura..

TAG(s):
Categoria(s): Gadgets
jul 29

Câmeras IPs ou analógicas? O que vale mais a pena?

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 29/07/2015 às 17:11h

     Praticamente todas as semanas eu recebo alguma consulta de leitor sobre instalação de câmeras em casa. Uma dúvida muito recorrente é: instalar câmeras analógicas ou IP? Então, vamos abordar o assunto nesse artigo, tirando as principais dúvidas que recebo.

     As câmeras IPs são muito práticas. Sem dúvida esse é o seu maior ponto positivo. Atualmente, você acha modelos por menos de R$ 200 (qualidade SD e não HD). E, como muitas tem a opção de cabo e Wi-Fi, a instalação é incrivelmente simples. Basta rodar o software que acompanha o produto, selecionar a rede, colocar a senha e pronto. Está funcionando. Para usar, basta apontar o navegador para o IP onde ficou a câmera, se autenticar e já consegue gerenciar as câmeras. O mesmo vale para apps, seja para desktop, tablet ou smartphone. Até a vovó consegue, né?

     Eu já vi algumas câmeras analógicas que vem com conectores e cabos feitos (são mais caras, mas tem essa conveniência), o que facilita demais a instalação. Contudo, como os cabos já vem prontos, é comum o tamanho dos mesmos ser curto e não resolver o problema da maioria das pessoas. Fora que, como a ponta já vem com o conector, deve-ser abrir um buraco enorme nas paredes, a fim de passar o mesmo da câmera até o DVR, o aparelho que fica responsável por gerenciá-las (as câmeras IPs trabalham de forma independente e usar um aparelho para gerenciamento é opcional e não mandatório, como nas analógicas).

Continue a leitura..

TAG(s):
Categoria(s): Dicas
preload preload preload