jan 04

Cadê o review comparativo entre Kindle e Kobo?

3 Comentarios »Postado por GordoGeek em 04/01/2013 às 21:57h

     Pouco antes do natal eu comprei um Kobo na Livraria Cultura. Depois de vencido o prazo de entrega, entrei em contato e me disseram que não tem previsão de entrega. Curioso, já que, quando comprei o produto, era clara a indicação no site que tinha o produto em estoque. Me recordo claramente disso pois modelos de outras cores, não tinham.

     Achei uma profunda falta de respeito para com o consumidor os caras saberem que não tem o produto em estoque, vender, depois ficar enrolando pra dar uma satisfação. Se eu não tivesse reclamado, ficaria esperando o produto chegar até quando?

     Quem me conhece sabe que eu sou bem cricri e isso não vai ficar assim. Na segunda-feira irei reclamar no Procon e vou abrir processo no Juizado Especial Civil, pois quero ser indenizado pela palhaçada. Aliás, como de praxe, já fiz a reclamação no site ReclameAqui, para que outros consumidores não caiam nessa roubada.

     Faz quase 2 semanas que venho anunciando no Twitter que comprei o produto pra fazer o review comparativo com o Kindle, todos os dias as pessoas me perguntam a respeito e, devido a extrema incompetência da Livraria Cultura, meu trabalho foi prejudicado. Assim, peço desculpas por não poder cumprir a promessa feita.

     Acredito que meu caso pode ficar de lição pra quem tava na dúvida entre Kindle e Kobo. O Ponto Frio me pediu 5 dias pra entregar e entregou em 2. A Livraria Cultura pediu 12 dias, não entregou e nem teve o cuidado de me avisar. Tremendo #fail

TAG(s):
Categoria(s): Geral
out 07

Não compre gato por lebre!

6 Comentarios »Postado por GordoGeek em 07/10/2009 às 13:36h

     Há cerca de 1 ano atrás me envolvi num problemão com duas empresas bem conhecidas do varejo brasileiro: Saraiva e Ponto Frio. Apesar de serem empresas grandes, antigas, conceituadas e tudo o mais, isso não me livrou de ter dores de cabeça.

     Pra quem não acompanhou, no final do ano passado, pouco tempo após o ‘keynote’ de lançamento dos novos iPod, as empresas citadas acima resolveram por a venda em seus sites os novos produtos. As fotos eram dos novos iPod, as descrições, as características, os vendedores garantiam por telefone que eram os novos produtos, etc… Tudo indicava que estavam com os novos iPod disponíveis. Porém, para a minha surpresa (e de vários outros consumidores), ambas as empresas despacharam a versão antiga pra casa do cliente. Má fé? Desconhecimento? Erro no sistema?

     Diante da negação das empresas em trocar os produtos, mesmo estando evidente que houve erro, criei o site SaraivaNÃO e consegui reunir os vários clientes lesados. Outro amigo criou o PontoFrioNÃO. Depois de muita dor de cabeça, PROCOM (várias vezes), inúmeras ligações pra 0800 e o diabo a 4, conseguimos trocar os produtos, como era de direito.

     Agora a pouco estava dando uma olhada nos meus feeds e vejo uma matéria da MacWorldBrasil falando justamente de um caso similar. A nossa conhecida e respeitada FNAC, que já fez uma grande lambança esse ano, resolveu meter os pés pelas mãos (de novo) e anunciar os iPod antigos como se fossem da nova geração.

     Tanto na época do caso da Saraiva e Ponto Frio, como no caso da FNAC, me manifestei a favor do ministério público aplicar uma pena para que as empresas respeitem os consumidores. Muitos me chamaram de oportunista pra baixo. E agora, diante desse novo problema da FNAC, o que vocês me dizem? Foi outro errinho ou as empresas que não são punidas gostam de tirar um sarro na cara do consumidores menos avisado? Tirem suas conclusões…

     Em tempo: durante o ano que mantive o blog contando meu caso da Saraiva foi bem gratificante receber inúmeros comentários e emails agradecendo pelo alerta e outros tantos contanto casos cabeludos envolvendo a empresa. Isso me mostra cada vez mais que esse tipo de erro vai continuar acontecendo pois, uma vez que as empresas não sofrem qualquer tipo de sansão, é muito interessante pra elas tentarem desovar produtos antigos como se fossem novos, vender o que não tem no estoque (e receber, depois dar canseira no consumidor pra devolver o que foi pago), entre tantas outras práticas ruins para o consumidor. Por isso, lute pelos seus direitos e não deixe esse tipo de coisa acontecer. Dá trabalho? Dá canseira? Dá dor de cabeça? Sim, dá… Mas as coisas só começam a mudar quando tomamos atitudes.

TAG(s):
Categoria(s): Apple
maio 21

Tardio comentário sobre o caso FNAC

13 Comentarios »Postado por GordoGeek em 21/05/2009 às 18:57h

     Antes de começar a descer o sarrafo em empresas como FNAC, Saraiva, Ponto Frio, Makro e tantas outras que já “erraram” em anúncios, na internet ou não, e depois vieram com “desculpa, mas não vamos aceitar sua compra”, queria deixar claro que esse post reflete apenas a minha exclusiva opinião e não a do blog PontoGeek como um todo, nem de seus outros colaboradores. Demorei pra me manifestar a respeito, pra não criar ainda mais polêmica, mas infelizmente ter “sangue de barata” não é uma das minhas características.

     O Procom, órgão que deveria defender os interesses do consumidor, bem como grande parte da mídia (TV Globo incluída), blogueiros e várias outras pessoas “comuns”, acham que o fato da FNAC ter anunciado em seu site vários produtos (como notebooks e TV de LCD) a R$ 9,90, foi simplesmente um erro e quem fez essas compras são pessoas, pra dizer o mínimo, oportunistas.

Continue a leitura..

TAG(s):
Categoria(s): Geral
jan 13

Dell faz consumidor de palhaço

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 13/01/2009 às 23:56h

     Enquanto aqui no Brasil, empresas como Saraiva e Ponto Frio fazem o consumidor de tonto, vendendo gato por lebre e nada acontece, lá nos EUA a coisa é diferente.

     A Dell vai ter que pagar 3,35 milhões de dólares em indenizações por enganar consumidor com falsos descontos e garantia. E mais importante, foi a declaração de Richard Blumenthal, que é exatamente essa tecla que venho batendo: “Não permitiremos mais ofertas de financiamento sem juros que de repente se transformam em prestações com taxas mais elevadas do que o correto.”

TAG(s):
Categoria(s): Notícias
dez 19

Callcenter: atendimento melhorou?

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 19/12/2008 às 14:30h

     No começo desse mês entrou em vigor uma nova legislação sobre como as empresas de callcenter devem atender a seus clientes. Eu imaginava que a lei era válida para todas as empresas, mas um leitor me chamou a atenção e esclareceu que é válido apenas para as empresas que prestam serviços sob concessão federal, ou seja, empresas de telefonia, TV por assinatura, energia elétrica, água e esgoto, etc.

     O Merino já comentou em algumas oportunidades que sentiu melhoras quando liga para reclamar do seu Virtua. Eu mesmo senti um atendimento mais rápido na Telefonica, para reclamar do meu Speedy, que aliás, faz 3 dias que é interrompido a navegação no período noturno e madrugada, por algum tipo de manutenção na central, que ninguém avisa previamente.

Continue a leitura..

TAG(s):
Categoria(s): Notícias
dez 15

Lista de Natal: iPod é campeão!

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 15/12/2008 às 17:59h

     Pela quantidade de MPx da vida que eu vi espalhados pelas lojas, na minha recente visita a São Paulo, poderia jurar que esse seria o Natal do MP7 e similares. Porém, uma pesquisa com cerca de 5.000 pessoas no Reino Unido, mostra que por lá o objeto de desejo desse natal é o iPod.

     Esse ano eu facilitei pro bom velhinho e comprei o presente de natal bem cedo, em 22 de outubro, na Saraiva. Infelizmente, a empresa me vendeu gato por lebre, ou seja, comprei um de segunda geração e me enviaram um de primeira.

Continue a leitura..

TAG(s):
Categoria(s): Humor, Notícias
nov 24

Drops de Maçã – Episódio 00a (Piloto)

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 24/11/2008 às 05:59h

     Fiquei dois dias em cima do Garage Band, tentando acertar a qualidade do áudio, que sempre que era exportado ficava muitíssimo baixo, mas não teve jeito.

     O mais estranho é que o volume das gravações, que não foram feitas por ele, estavam super altas. Ao colocar no iTunes do Mac, permaneciam altas. Ao jogar no Garage Band e ouvir na produção, estavam altas também. Contudo, ao mandar exportar, seja em MP3 ou AAC, em 96kbp ou em 192kbp, ficava uma porcaria de baixo.

     Não queria começar com o pé esquerdo, fazendo um primeiro episódio aquém das expectativas, mas infelizmente não teve jeito. Se tiver alguma boa alma que queira me dar um ajudinha no Garage Band, fico muito agradecido.

     E os assuntos desse episódio são: gastos da Apple com propaganda, iPhone conquistando marketshare do Palm, uma nova patente da Apple, o lançamento do firmware 2.2, Youtube em alta resolução, novo firmware do AppleTV, programinha bacana para iPhone, Ponto Frio vendendo iPod Touch, Blackberry Storm e performance dos novos Macbooks.

Episódio 00a – MP3

Episódio 00a – AAC

TAG(s):
Categoria(s): Podcast
preload preload preload