jun 29

Belkin @TV: um concorrente interessante para o SlingBox

1 Comentario »Postado por GordoGeek em 29/06/2012 às 14:25h

     Um dos produtos que eu sempre quis ter e finalmente fui comprá-lo em 2010 é o SlingBox. Já falei sobre ele aqui no blog algumas vezes, tanto quando “apresentei” o produto e também depois, ensinando como configurar em diferentes setup-box.

     Pra quem ainda não conhece o conceito do produto, ele é um aparelho que você conecta no decoder da sua TV (Sky, Claro TV, Telefonica TV, etc.) e passa a ter acesso a esse conteúdo via iPad, iPhone, Android, PC, Mac, etc. Esse acesso pode ser feito dentro ou fora da sua casa, dando maior flexibilidade no consumo desse conteúdo. Assim, se você estiver esperando numa fila de banco ou até mesmo em viagem, pode continuar a ter acesso a todo conteúdo, como se estivesse sentado no sofá da sua casa.

     Eu comprei o modelo SD do SlingBox e estou bem satisfeito. O modelo HD era quase o dobro e não vi muita vantagem. De lá pra cá, surgiram alguns concorrentes pro SlingBox, como o Vulkano (esse até DVR interno tem) e o Belkin @TV. Apesar de achar o SlingBox um bom produto, ele é um tanto limitado e caro. Por exemplo, além do aparelho em si ser mais caro, você precisa comprar os apps dele em cada dispositivo. Se você tem um iPhone, um iPad e um tablet Android, vai gastar USD 90 em apps. A única forma de visualizar esse conteúdo gratuito é via browser.

     Uma das vantagens que vi no @TV da Belkin é justamente o preço, tanto do aparelho, como dos aplicativos. O aparelho em si custará USD 150, tendo apps gratuitos para tablets, mas pagos (USD 12.99) para smartphones. Bem, perto dos USD 30 do SlingBox, tá bom demais. Além desse benefício, ele ainda permite que, dentro de uma rede Wi-Fi, até cinco dispositivos tenham acesso ao conteúdo ao mesmo tempo. No caso do SlingBox, essa limitação é de apenas um por vez. Já via 3G, o @TV também tem essa limitação, provavelmente, devido a acordos com os produtores de conteúdo.

     O problema do @TV é que ele está em pré-venda já tem algumas semanas e não ficou claro quando realmente será entregue. Aliás, a Belkin tem me irritado muito com isso, pois eles tem outro produto bacana, pra automação residencial (WeMo), que há meses eu vejo propaganda e artigos por ae, mas nada de entregarem.

TAG(s):
Categoria(s): Gadgets
fev 26

Como configurar o AZBox Bravoo+ HD com Slingbox

1 Comentario »Postado por GordoGeek em 26/02/2012 às 22:59h

     No começo de novembro do ano passado eu fiz uma breve resenha aqui no blog a respeito do AZBox Bravoo+ HD. Me comprometi a falar mais sobre o equipamento, mas eu uso tão pouco que acabei não voltando a falar sobre ele. Desculpas por isso.

     Depois de várias semanas com o equipamento parado, esses dias eu coloquei-o pra funcionar novamente (bem como o Probox 530) e acabei batendo muito a cabeça pra fazer funcionar em conjunto com o Slingbox. Pra quem não conhece o aparelho, falei sobre ele em abril de 2010 nesse post. Em resumo, ele faz streaming da sua TV paga para outros dispositivos, como PC/ Mac, iPad, iPhone e Android.

     Quando eu era assinante da Sky, nunca consegui fazer o Slingbox funcionar corretamente com meus decoders (eram 2 modelos diferentes). Acabei migrando pra Telefônica e dei a sorte de conseguir fazer funcionar, conforme narrei aqui. Agora, voltando pro “jardim florido” do mundo AZ, me vi novamente com esse problema.

     Como o meu Slingbox é o modelo mais simples (e mais barato), ele não tem HDMI. Por isso eu queria deixar o AZBox Bravoo+ HD na sala principal e o Probox 530 numa outra sala menor, junto com o Slingbox. Infelizmete, depois de vários dias tentando fazer funcionar com o Probox, desisti. No entanto, nessas minhas pesquisas, achei um esquema pra fazer funcionar no AZBox.

     A primeira coisa que você deve fazer é entrar aqui e fazer o download do arquivo. Depois, extraia o arquivo compactado. O arquivo que iremos usar é o C2013_PL.bin. Feito isso, acesse a página de configuração do seu Slingbox (atalho aqui. Clique em Get Started, escolha seu dispositivo, depois clique em Configure Inputs e escolha qual entrada você está usando pra ligar o decoder ao Slingbox (provavelmente será a Composite). Feito isso, seleciona Supported Devices, Satellite, Custom. No caminho, informe onde o arquivo .bin está no seu HD (ex.: /Volumes/MacOS/C2013_PL.bin). Ele vai subir o arquivo, testar e tudo estará funcionando.

TAG(s):
Categoria(s): Dicas
jul 08

Vídeo congelado no SlingPlayer? Veja aqui como resolver.

5 Comentarios »Postado por GordoGeek em 08/07/2011 às 12:02h

     Passei essa madrugada instalando meu iMac, que chegou ontem no final do dia. Quase no final do processo, que comecei do zero, sem restaurar nada via TimeMachine, notei um problema de visualização no site do SlingBox, que por sinal, acontece também nos meus outros Mac. Ao conectar no serviço, pra ver a TV de casa no Mac, aparece a imagem por uns 2 segundos e depois simplesmente congela, ficando apenas o som. Vi uma discussão com mais de 400 comentários a respeito disso e a solução é super simples.

     Quem é usuário do serviço no Mac já deve saber que a visualização é possível apenas via Firefox e Safari, esse último executando em 32-bit. O plugin deles não funciona no Google Chrome. O problema que mencionei, de congelar a imagem, acontecia exclusivamente no Mac, tanto no MacBook Pro, como no Mac mini. No Windows, em qualquer browser, funciona normalmente. Essa situação durou meses, mas como tem o aplicativo pra iPhone e iPad, acabei deixando quieto. Eu estava achando que podia ser algum arquivo corrompido, importado do TimeMachine. Porém, ao instalar o MacOS do zero ontem e ver que o problema contiuava, decidi que era hora de dedicar um tempo a isso.

     É incrível como às vezes um problema nos persegue durante meses, parece super complicado e na verdade é ridiculamente simples de resolver. Simples pra quem sabe o pulo do gato, rs. Ao abrir o player no site da SlingBox, existe um botão para se configurar a qualidade da transmissão. Quanto maior a qualidade, maior a banda necessária. O padrão desse botão é vir automático e era justamente ae o problema. Ae mudar a configuração para qualquer outra, desde a pior, até a melhor, o vídeo é imediatamente liberado, corrigindo o problema. #FicaDica

TAG(s):
Categoria(s): Apple, Dicas
mai 13

Gambiarra do dia: SlingPlayer em uma rede 3G

Sem Comentarios »Postado por idan em 13/05/2009 às 23:18h

     Para completar minha alegria, só faltava uma coisa: pode utilizar o SlingPlayer em rede 3G, não somente Wi-Fi, coisa que até então não era possível.

     Daí que me veio a idéia de editar o VoIPover3G para que fosse possível utilizar a rede 3G. Dei uma procurada, e ví que já existia uma gambiarra, editando este arquivo.

     Para fazer-lo, baixe o VoIPover3G no Cydia (depois reinicie, é claro), crie uma conexão SSH com o iPhone. Em seguida, vá na pasta /Library/MobileSubstrate/DynamicLibraries/ e edite o arquivo VoIPover3G.plist, adicionando a linha: com.slingmedia.SlingPlayer.

TAG(s):
Categoria(s): iPhone/iPod
mai 13

SlingPlayer Mobile chega a App Store

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 13/05/2009 às 01:26h

     E quando a gente pensa que a novela do SlingPlayer pra iPhone vai chegar ao fim, eis que surge um novo capítulo: ele chegou a App Store custando USD 29.99, mas não funciona via 3G.

     É uma vergonha o controle que a Apple/ AT&T detém sobre o que pode ou não ser lançado na App Store e nessas horas me dá uma raiva enorme de usar esse telefone chamado iPhone.

     Novamente, num ato arbitrário, a empresa produtora do SlingPlayer teve que se render as pressões da AT&T (e por tabela da Apple) e publicou a versão de seu software para iPhone, com capacidade apenas para recepção em WiFi, sem 3G/ EDGE, para não jogar uma pá de areia sobre a já comprometida rede da operadora americana. Vergonhoso!!!

TAG(s):
Categoria(s): App Store, Apple
jan 06

Sua mídia sempre com você

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 06/01/2009 às 13:35h

     O TiVO, aquele DVD-R muito popular nos lares americanos, creio que todos conhecem. Mas o SlingPlayer, talvez seja menos famoso que o ‘seu irmão’, mas é igualmente fantástico e gostaria demais de ter algo assim disponível no Brasil (sonho meu…).

     Atualmente no Brasil contamos com a ‘facilidade’ do Sky+, uma espécie de TiVo tupinquim, disponibilizado pela Sky para seus assinantes. Através do Sky+, você consegue dar pausa na programação ao vivo, gravar um canal enquanto assiste outro, fazer programação de eventos a serem gravados com uma facilidade incrível e alguma coisa a mais, que já permite uma forma muito melhor de se ver TV, especialmente quando você fica pouco em casa e não tem a chance de acompanhar seus programas favoritos, de forma que fica sempre aquela sensão de estar pagando por algo e não aproveitando.

     Se você já gostou do TiVO (e do Sky+), imagina você fazer tudo isso e ainda poder assistir a programação onde quer que você esteja, através de um computador, celular, video-game, etc. Fantástico, não? Pois é exatamente isso que o SlingPlayer fazer, umaa espécie de transmissão em streaming do seu conteúdo digital para diversas plataformas.

     Essa semana, durante a MacWorld, serão lançados a versão do programa receptor para iPhone e um outro que permitirá acompanhar as transmissões em alta definição (HD) no Mac. Uau!

TAG(s):
Categoria(s): Gadgets
preload preload preload