fev 26

Contornando problemas do token pelo Vivo TuGo

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 26/02/2016 às 11:16h

      Ontem eu recebi email de um leitor do blog, me pedindo ajuda para resolver a seguinte situação: ele mora no exterior, mas precisa gerenciar conta em bancos brasileiros. Contudo, tais instituições não oferecem como uma opção de token via SMS, o cadastro de números internacionais. Claro, dá pra usar via aplicativo do banco, mas antes de chegar nessa etapa, o banco exige um número nacional para validação.

      Há alguns meses a Vivo lançou um app chamado Vivo TuGo. Com ele, você “transforma” sua linha tradicional da Vivo numa linha VoIP, podendo usar até 5 dispositivos para fazer e receber, tanto chamadas, quanto SMS. Ou seja, se você estiver fora do país e com acesso a internet, via Wi-Fi ou 3G/ 4G, consegue receber chamadas no seu número brasileiro sem pagar exorbitantes tarifas de roaming.

      No caso do nosso leitor, tem um complicador porque, uma vez cadastrado o número da Vivo na sua conta do banco, é necessário ir até uma agência ou uma das máquinas de auto-atendimento para validar a informação. Contudo, uma vez feito isso, poderá receber os token via SMS em qualquer lugar do mundo, usando seu Vivo TuGo. Como ele virá ao Brasil nas próximas semanas, problema resolvido.

      Se você tiver emigrando do Brasil, coisa cada vez mais comum de se ver, devido as atuais condições político e econômicas, recomendo que compre um chip pré-pago da Vivo, ative o app Vivo TuGo e faça recargas mínimas regulares para manter o número ativo. No caso da Vivo, o mais recomendável são R$ 20, válidos por 90 dias. Se depois desses 3 meses você não recarregar, em até 2 meses eles cancelam a linha.

TAG(s):
Categoria(s): Dicas
jul 30

Chaveiro bluetooth facilita a vida das pessoas esquecidas

3 Comentarios »Postado por GordoGeek em 30/07/2014 às 12:29h

     Você é daqueles que só não esquece a cabeça porque está “grudada” ao corpo? Existem diversos produtos como esse, especialmente em projetos no Kickstarter, mas como nem todos enviam para o Brasil, acabei recorrendo as famosos sites chineses (DealExtreme e AliExpress) para conseguir comprar alguns modelos para testar. O primeiro deles a chegar foi o Safe Guard, mostrado no vídeo abaixo:

     O chaveiro funciona tanto em dispositivos iOS (iPad e iPhone) como em Android (tablets e smartphones). E para tal, basta ativar o bluetooth, instalar o aplicativo e pressionar o botão do chaveiro, ativando o seu reconhecimento. Dentro do app, você escolhe com qual chaveiro quer se conectar (caso exista mais de um) e pronto. Sempre que você se afastar, ambos os dispositivos irão apitar. É possível ainda configurar o tom de aviso e a distância (uma média) de quando o alarme irá soar.

     Se você comparar com os modelos americanos, esse gadget chinês é bem arcaico. Ele é grande (lembrando um chaveiro de token bancário), um tanto feio e o app é bem fraquinho. Funciona? Sim. Mas se você tiver a chance de comprar modelos mais bem acabados e menores, como o Tile, StickNFind, Trackr ou Kensington Proximo, eu recomendo fortemente.

TAG(s):
Categoria(s): Gadgets
jan 28

Problema com iToken no Android? Veja como resolver.

8 Comentarios »Postado por GordoGeek em 28/01/2014 às 14:19h

     Quem é correntista do Itaú sofre horrores com uso burro da tecnologia pelo banco. Todo update do Java, acontece alguma merda e tudo para de funcionar. A porcaria do Guardião parece que tem a função de inviabilizar seu acesso a conta (e não do hacker). Mas o assunto agora é outro, focado no uso do iToken no app para Android.

     Recentemente o Moto X recebeu o update do KitKat e eu acabei perdendo a opção de gerar o iToken pelo app no celular. Assim, ou usava o chaveiro ou pedia pra receber via SMS (que como todo mundo sabe, tem dias que demora horas pra chegar). Depois de muito tempo adiando, hoje tirei um tempo pra resolver isso e, numa ligação com o banco, me foi passado o procedimento correto.

     Eu vinha tentando cancelar e depois reativar o iToken no app, sem sucesso. Segundo o suporte, após um upgrade de sistema, eu devo desinstalar o app e instalar novamente. Foi dito e feito. Funcionou. É chato, pouco prático, mas deu certo.

     Uma dica extra que alguns podem não saber. Quando você entra no app, vai até “Produtos e serviços”, “iToken no aplicativo” e manda ativar o recurso, você pode fazer através do chaveiro ou do SMS. Porém, caso opte pelo chaveiro, terá que ir até um caixa eletrônico validar a requisição. Se optar pelo SMS, não. Basta colocar o código recebido e será ativado na hora o menu “Gerar código iToken” na tela inicial do app.

TAG(s):
Categoria(s): Android
preload preload preload