mar 19

MX Player com problema de áudio? Veja como resolver.

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 19/03/2015 às 06:07h

     Já tem alguns meses que eu vinha enfrentando um problema com o MX Player, mas como não estava muito empolgado em assistir seriados na telinha do celular, acabei desistindo de procurar uma alternativa. Porém, recentemente comprei um pendrive OTG e resolvi ir atrás da solução.

     Essa semana eu perguntei no Twitter se alguém sabia como resolver o problema, que envolvia arquivos MKV sem áudio no MX Player, e o Junior me enviou um link com orientações. A princípio, parecia algo complicado e chatinho de fazer, mas é bem simples.

     Até onde eu entendi, o pessoal do MX Player foi obrigado a retirar o suporte devido a problemas de licença. Assim, apareceu esse problema de compatibilidade de áudio com alguns formatos que, antes, eram reproduzidos sem problema algum no app.

     No post do XDA (que coloquei o link acima), existe uma pequena explicação sobre o problema e a orientação de como proceder. Como o codec muda de acordo com a CPU, dependendo do modelo que equipa seu hardware, o codec pode mudar. Mas, geralmente, será esse aqui (Arm v7-Neon).

     Uma vez que você coloque o arquivo compactado no seu gadget (seja fazendo download direto nele, seja enviando pro Dropbox, FTP, SSH, etc.), ele geralmente ficará na pasta de download. Abra um gerenciador de arquivo (eu uso o ES File), localize o arquivo e mova-o para a raiz. Em seguida, abra o MX Player e ele provavelmente vai localizar o novo codec. Irá pedir pra reiniciar o app e em seguida estará com suporte ao MKV novamente.

     Caso você não se ache apto a fazer esse procedimento, pode ainda usar dois outros players com versões gratuitas, disponíveis na Google Play: VLC e BS Player. Eles são mais simples que o MX Player (especialmente a versão paga, que eu uso), mas dão conta do recado.

TAG(s):
Categoria(s): Android
ago 05

Explicando um pouco sobre comunidades de torrent

8 Comentarios »Postado por GordoGeek em 05/08/2013 às 11:39h

     Conforme já narrei inúmeras vezes aqui no blog, sofri durante anos com o Speedy da Vivo/ Telefonica. Ligava toda semana pra tentar aumentar minha velocidade e nunca tinha disponibilidade. Assim, logo que apareceu uma alternativa viável, eu assinei e atualmente tenho “incríveis” 4Mb. Não é muita coisa, especialmente se comparado ao que existe em grandes centros, mas melhorou demais pra mim.

     Em velocidade nominal, que é aquela que aparece nas propagandas, a minha velocidade de download dobrou, indo de 2Mb para 4Mb. Porém, na prática, como meu Speedy raramente passava de 1Mb (velocidade real), praticamente quadriplicou. No upload então, o máximo do Speedy eram 300kb e agora tenho 4Mb. Esses incrementos de velocidade mudaram alguns hábitos na minha vida. Antes era praticamente impossível assistir algo no Youtube ou Netflix sem passar raiva, então eu nem me dava ao luxo. Subir os vídeos do blog pro Youtube, em qualidade HD, demoravam 12Hs. Agora subo em fullHD em 2Hs.

     Dentre essas mudanças de hábitos, comecei a participar de alguns clubes privados de torrent. Muita coisa da TV aberta que eu não conseguia ver ao vivo, agora baixo pra ver depois. Porém, mesmo eu tendo um upload bem alto, não conseguia (sabe-se lá Deus o motivo) fazer uso de toda a banda disponível. Não sei se era problema de equipamento, configuração, traffic shaping no provedor ou outra coisa qualquer.

     Quando você baixa algo usando um “torrent público”, é recomendável que você deixe o arquivo ativo mesmo depois de terminado, de forma que você possa ajudar outros usuários, pois parte da sua banda vai pra isso. Porém, muitos usuários, seja pra economizar a banda, energia (desligando o PC depois de baixar), sacanagem ou falta de cultura mesmo, não agem assim, o que acaba prejudicando o esquema de compartilhamento daquele conteúdo, pois quanto menos pessoas estiverem compartilhando, mais lento fica. E, se ninguém compartilhar, o conteúdo fica indisponível, impossibilitando novos downloads.

Continue a leitura..

TAG(s):
Categoria(s): Dicas
out 02

Como usar Spotify Premium no Brasil

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 02/10/2012 às 15:38h

     Em fevereiro desse ano eu mudei os hábitos que tinha para escutar música. Depois de passar a empolgação do lançamento da iTunes Store no Brasil, onde gastei uma boa quantia, resolvi dar uma chance a serviços de música via streaming, mesmo não dispondo de uma banda muito rápida.

     Apesar de gostar bastante do Oi Rdio, que uso há vários meses, não é incomum eu procurar por uma música, ela aparecer listada, mas não disponível para o Brasil. A cada vez que isso acontecia, eu xingava e ficava puto. Foi quando eu decidi conhecer mais a fundo o Spotify, o concorrente direto do Rdio, pelo menos lá fora, já que no Brasil o serviço ainda não está disponível e é necessária uma certa gambiarra pra conseguir desfrutar dele.

     Como eu tenho uma conta em banco americano, assinar serviços exclusivos ao mercado americano não é mais problema pra mim. Todavia, sei que muitos dos leitores não tem esse “luxo” e precisam de outras alternativas. No caso do Spotify, é possível apelar para o Entropay ou GoSpotify.

     Existem basicamente dois planos no Spotify, sendo um grátis e outro pago. No grátis, basta usar uma VPN e você já conseguirá ouvir as músicas no computador. Já a conta Premium (USD 9.99), lhe permite ouvir música não só no computador (sem propagandas) como também em dispositivos móveis (iPhone, iPad, Android, etc.), além de armazenar músicas localmente pra ouvir quando não tiver internet.

     Uma das vantagens do plano premium é que não existe o problema do IP ser brasileiro, ou seja, dá pra ouvir tudo, seja no computador, tablet ou smartphone sem precisar de VPN ativa. Se você quiser mais facilidade, compensa comprar os cartões presentes na GoSpotify por R$ 29,90 o pagamento único ou R$ 14,90 o plano anual. Já se quiser economizar uns trocos e tiver paciência, pode usar os cartões virtuais gerados pelo Entropay, onde você cria quantos cartões quiser e os credita usando seu cartão de crédito internacional.

     Se você chegou nesse ponto e está pensando: “por que eu vou pagar se posso baixar via torrent?”, provavelmente você ainda está naquela fase da vida que é melhor perder um pouco mais de tempo e economizar uma graninha do que pagar pra ter facilidade. Eu já não tenho mais paciência de ficar procurando músicas em torrent, sincronizando entre dispositivos, etc. No spotify, eu procuro o que quero ouvir, já aparece rapidinho, dou play, se gosto mando sincronizar como os dispositivos móveis e tudo funciona perfeitamente.

     Caso você tenha filho pequeno, vale a pena criar uma playlist com músicas da Galinha Pintadinha, Xuxa – Só para Baixinhos e Reginaldo Frazzato Jr.

TAG(s):
Categoria(s): Dicas
mar 20

TorrentButler: a pirataria com o charme da iTS

3 Comentarios »Postado por GordoGeek em 20/03/2011 às 02:46h

     Tirando um gato pingado aqui e outro acolá, nós brasileiros estamos muito mal servidos de opções para alugar filmes online. O conteúdo ainda é restrito, geralmente recheado de coisa velha e costuma ser caro. Não existe algo tão interessante quanto a iTunes Store e, pelo visto, não teremos tão cedo. Li recentemente relatos de que a Netflix estaria preparando sua operação brasileira, mas pra quem curte novidade, não é com eles. Eles tem um acervo imenso, mas geralmente de filmes mais antigos.

     Pra quem curte lançamentos, a opção mais lógica é ir ao cinema. Mas não dá pra ficar pagando R$ 50,00 (entradas pro casal + estacionamento + comes e bebes) pra cada filme. E ainda tem outro porém, se você tem filho pequeno e não tem com quem deixar, lascou.

     Se cinema não é uma opção válida, que tal a locadora? Aqui, elas estão cada vez mais raras. Havia uma excelente, mas acabou fechando. Claro que tem outras, mas abarrotada de filmes velhos, os quais eu não tenho o menor interesse em perder meu tempo. Filme velho eu tenho no Netflix, serviço que pago USD 8 por mês e vejo tudo a hora que eu quiser, sem precisar sair de casa, na minha TV (XBox, Apple TV, etc.) ou na palma da minha mão (iPad, iPhone, iPod, etc.).

Continue a leitura..

TAG(s):
Categoria(s): Dicas
set 22

Seriados: eles estão de volta!

5 Comentarios »Postado por GordoGeek em 22/09/2009 às 07:15h

     Depois de vários meses de certa angústia, eles estão de voltas, Geeks! Nossos companheiros de fim de noite voltaram e já estão disponível no Tio-Torrrent. Entre eles, The Big Bang Theory, Two and a Half Men, CSI Miami, House, Heroes e vários outros.

     Muito provavelmente, o mais esperado de todos os seriados que estão voltando é “TBBT – The Big Bang Theory”, o seriado mais nerd de todos os tempos e que mostra a vida de quatro amigos geeks muito engraçados. Recomendação máxima!

Continue a leitura..

TAG(s):
Categoria(s): Biblioteca Digital, Videos
mai 12

Apple: “no Torrents for you”

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 12/05/2009 às 15:07h

     Alguém lembra que nos primórdios do Orkut, quando tudo ainda era um grande beta e haviam poucos servidores disponibilizando o serviço (que veio a se tornar uma febre no Brasil), que assim como acontece hoje com a baleia do Twitter, aparecia direto a mensagem “No Donuts for you”, quando os servidores estavam com baixa disponibilidade?

     Visando combater a pirataria no iPhone, a Apple está atacando com todas as suas armas. Na linha de frente, está fazendo de tudo para tornar o processo de Jailbreak um crime e já começou a notificar seus parceiros blogueiros, que ganham comissões por indicação de produtos Apple, a retirar os artigos sobre o tema de seus sites, caso contrário, terão suas comissões bloqueadas.

     Hoje fiquei sabendo que a Apple fez (o que eu já esperava) e não aceitou a disponibilização de um aplicativo de torrent na App Store. Não que isso seja problema pra quem tem o aparelho jailbroken, pois já existem aplicações pra isso via Cydia, mas reforça a estratégia de controle absoluto da Apple, coisa que não acontece em outras plataformas como Windows Mobile e Symbian, onde o fornecedor do sistema operacional não fica controlando o que os desenvolvedores podem ou não fazer para a plataforma. Sem dúvida, um retrocesso.

TAG(s):
Categoria(s): App Store, Apple
mai 05

Surpresinha no Windows 7! A-ha!

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 05/05/2009 às 01:46h

     É tanta notícia do Windows 7 pipocando por ae (e muitas delas boas demais) que você está curioso para por suas mãos Geeks engorduradas de Cheetos nele, correto?

     Se você é como o nosso amigo Jonas, que adora fazer uma visitinha a sites de Torrent, muito cuidado ao baixar as cópias do Windows 7 que estão por ae, pois elas trazem uma surpresinha pra você. E já adianto, nada agradável.

     Pelo que o pessoal da IDG apurou, assim como já aconteceu com alguns programas para Mac, como o iLife 09, que vieram com uns malware “de presente” junto com o software ilegal, cópia do novo Windows da Microsoft estariam infectadas por um trojan. Então meu caro, se for pegar essas cópias por ae, fique ligado, porque a própria Microsoft já liberou o download oficial.

TAG(s):
Categoria(s): Dicas, Notícias
jan 20

Comcast toma ‘chamada’ da FCC

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 20/01/2009 às 20:23h

     Tá achando que é só aqui que as operadoras estão ‘andando e cagando’ para as determinações da Anatel? A FCC (Anatel dos grindos) já tinha dado uma ‘chamada’ na operadora Comcast com relação a restringir o tráfego de redes P2P em sua rede e agora teve que dar outra ‘chamada’, pois a operadora até liberou o tráfego, mas limitou a velocidade.

TAG(s):
Categoria(s): Notícias
jan 09

Vírus ‘do bem’

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 09/01/2009 às 00:42h

     Esse mundo está mesmo maluco! Primeiro foi um vírus que entra no Windows e fecha uma brecha de segurança, de forma que outros vírus não possam entrar e tomar o controle dele. Agora, um vírus que bloqueio o acesso do PC a sites de torrent, como Mininova e The Pirate Bay.

     Nosso amigo Jonas está muito preocupado e já instalou 3 anti-vírus na máquina, para não correr o risco dessa infecção. Aliás, será que ele comprou a licença dos 3 softwares? Mistério…

TAG(s):
Categoria(s): Notícias
nov 27

µTurrent agora tem para Mac

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 27/11/2008 às 10:00h

Não é nada final, mas a versão chegou em beta para Mac. Dizem que este é o melhor cliente Torrent do mercado, particularmente eu uso o Transmission e pra mim esta loco de bom, até porque eu limito a banda de download aqui para não deixar a internet simplesmente inutilizavel. Pelo o que eu entendi com este cliente é possivel você baixar com quase o maximo de sua banda de internet. Eu vou baixar e testar, lembrando que ele só esta disponivel para Mac OS X 10.5 Intel, o Vladimir Campos vai ter que esperar um pouquinho.

Para baixar – Mac / Windows


TAG(s):
Categoria(s): Programas
preload preload preload