abr 13

Como recuperar uma conta de WhatsApp hackeada

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 13/04/2021 às 15:03h

     Infelizmente a perda da conta de WhatsApp para hackers tem sido uma coisa cada vez mais frequente. Muitas vezes se utilizando apenas de técnicas de “engenharia social” (a famosa “lábia”), os elementos conseguem fazer com que a vítima forneça o código de segurança enviado pelo WhatsApp e assim, se apoderam da conta da pessoa.

     Recentemente um familiar foi vítima desse tipo de golpe e, em pouco tempo, os malfeitores começaram a mandar mensagens pedindo dinheiro, como se fosse a dona da conta. Rapidamente fui pesquisar sobre o assunto e vi que basta enviar uma mensagem para [email protected] com o assunto “Clonaram meu WhatsApp/ perdido/roubado/ desativem minha conta [55] XX XXXX XXXX” que em questão de minutos o sistema da empresa desloga o mensageiro do celular dos hackers, permitindo que o dono retome a posse do mesmo.

     Infelizmente, muitas vezes o dono da conta não consegue retomar a conta de imediato, pois ao tentar se autenticar novamente no WhatsApp, aparece uma mensagem dizendo que o código de verificação já foi enviado várias vezes e ele deve esperar X horas ou minutos. Caso isso aconteça, a única maneira é realmente aguardar, mas só de saber que os elementos já não estão mais de posse da conta, dá um certo alívio diante da situação.

     Talvez algumas pessoas devem estar se perguntando: “mas basta enviar um email pro suporte e eles automaticamente deslogam a conta, sem qualquer validação prévia?”. Sim. Apesar de isso poder causar um certo dissabor, uma vez que qualquer um pode usar de tal técnica pra deslogar seu WhatsApp sem o seu consentimento, foi a maneira mais rápida que a empresa criou para que uma conta hackeada seja temporariamente desativada e os possíveis golpes não se alastrem, o que daria ainda mais dor de cabeça.

     Por fim, fica a recomendação de sempre usar uma senha de dupla autenticação, pois mesmo que o atacante consiga o código enviado por SMS ou ligação, sem a senha que vem logo em seguida, ele não consegue tomar posse da conta.

TAG(s):
Categoria(s): Dicas
abr 13

Como migrar para e-sim de maneira fácil na Vivo

Sem Comentarios »Postado por GordoGeek em 13/04/2021 às 14:28h

     No mês passado a Vivo adotou um novo procedimento durante a pandemia, liberando seus atendentes a oferecer o suporte via WhatsApp. O usuário coloca sua cidade no site da Vivo e descobre com qual número deve solicitar o atendimento. Contudo, muitas lojas pelo Brasil fazem jogo duro para prover o atendimento, seja por falta de treinamento adequado, falta de recursos, etc. Contudo, tem uma loja da Vivo em São Paulo que resolve praticamente qualquer problema pra você.

     Depois de várias tentativas de conseguir migrar meu chip pré do Vivo Easy para o e-sim, me deram a dica que na loja da Vivo que atende pelo número (11) 97175-9023 eles fariam sem problema. Tentei e realmente me surpreendi. Eles pediram meus dados e deram início ao atendimento mesmo o meu chip sendo DDD 16.

     No caso do e-sim, o atendente vai lhe instruir a passar o número do IMEI do aparelho onde o e-sim ficará vinculado. Depois de alguns procedimentos, vai lhe enviar um link onde ocorre uma verificação de biometria e documentos. É tudo online e feito na hora. Em poucos minutos o sistema da Vivo valida sua identidade e autoriza o atendente a continuar o atendimento.

     Em tempo: um problema que eu tive e vi mais gente comentando é que após a migração para o e-sim, o aparelho fica com sinal apenas em 3G. Nesse caso, você terá que solicitar novamente ao atendimento via WhatsApp que eles façam uma “sincronização da linha”. O procedimento pode levar até 2 horas e depois disso o sinal 4G normaliza.

TAG(s):
Categoria(s): Dicas
out 24

     Se você é cliente de um plano semanal da Claro muito provavelmente está sendo vítima de uma cobrança indevida e nem se deu conta. Isso porque o sistema da operadora costuma debitar do saldo dos assinantes o valor referente ao pacote semanal (R$ 14,90 no Prezão) e em seguida um pacote diário (R$ 0,99). Parece pouco, mas num universo de milhares (ou milhões?!) de consumidores, isso dá um lucro extra considerável a empresa (deve dar até pra pagar a Anitta e Tiago Leifert).

     Todas as vezes que eu reclamo para a empresa, ela se dispõe a reparar o problema, me reembolsando do valor (R$ 0,99). Contudo, se eu deixo passar e não reclamo, o sistema não me reembolsa automaticamente, o que me leva a crer que tal comportamento faz com que milhares de clientes sejam lesados e nem fazem ideia que a operadora está se apropriando indevidamente do seu dinheiro.

     Eu estou há meses reclamando de tal prática junto ao SAC da empresa, bem como utilizando do Portal da Anatel e também do Consumidor.Gov.Br (ligado ao Procon). Também já fiz reclamações ao Ministério Público, mas a empresa simplesmente não muda o seu comportamento errático. Talvez, quem saiba, porque tal “erro sistêmico” lhe traga lucro e não o contrário. Acredito que se fosse o oposto, tal erro já teria sido corrigido em questão de poucos dias (ou horas?!).

     Se você é um cliente Claro com plano semanal, confira no seu extrato se tal cobrança equivocada está ocorrendo e, caso esteja, deixe seu comentário. Estou pensando seriamente em propor uma ação coletiva contra a operadora. Acredito que só dessa forma a empresa passe a respeitar os consumidores.

TAG(s):
Categoria(s): Geral
dez 30

Evite que o iPhone devore o plano de dados em minutos

2 Comentarios »Postado por GordoGeek em 30/12/2015 às 17:48h

     Depois de quase 3 anos usando Android, minha irmã ganhou um iPhone de natal do meu pai. Ela estava toda feliz, mas pouco tempo, ficou p. da vida pois seu plano de dados, que antes durava o mês todo, estava sendo devorado. Ela chegou a ligar algumas vezes para Vivo, mas a operadora dizia que não poderia fazer nada e o pacote estava mesmo sendo todo consumido em minutos.

     A bizarrice chegou ao ponto de um dia ela mandar um SMS contratando mais 100MB com a Vivo, deixar o telefone carregar e ir pra piscina. Quando ela voltou, poucos minutos depois, já tinha a mensagem da contratação do pacote e logo em seguida outra mensagem, dizendo que os 100MB haviam sido consumidos. Aparentemente, era um erro da operadora, né? Mas infelizmente, não. O problema eram as configurações nativas do iPhone e de alguns aplicativos, como o WhatsApp.

     No vídeo acima eu dou algumas dicas de como configurar o iPhone e o WhatsApp para que seu plano de dados não seja consumido em pouquíssimo tempo. Com certeza isso deveria vir dessa forma nativamente, sem que o usuário tenha que configurar, já que nem todos sabem dessa problema e como fazer para corrigí-lo. Uma vez que não é assim, divulgue esse post para ensinar os amigos, especialmente os novatos no mundo Apple.

TAG(s):
Categoria(s): Apple
nov 20

Como não brigar nunca mais com a namorada

1 Comentario »Postado por GordoGeek em 20/11/2015 às 12:19h

     Estou querendo receber um prêmio Nobel da Paz pra dar up no currículo, então farei esse post ensinando como você pode fazer pra nunca mais brigar com sua namorada por causa de ciúmes bobos, quando ela pega seu celular cheio de putaria.

     Há 2 anos eu fiz esse post ensinando como habilitar o recurso de múltiplos usuários num smartphone Android 4.x. Felizmente, desde o Android 5 que esse recurso já está habilitado por padrão. Assim, nessa primeira etapa, você não irá precisar de root ou nenhum recurso especial.

     Uma vez que vários apps tradicionais do uso diário, como WhatsApp, Facebook, Instagram e afins não permitem múltiplos usuários, pra você deixar um como aquele “namorado modelo” e outro onde a putaria reina, a solução é fazer isso gerenciando dois usuários no Android. Mas como habilitar o recurso salvador?

Continue a leitura..

TAG(s):
Categoria(s): Android
preload preload preload